Como fazer sua impressora durar mais

Tempo de leitura: 3 minutos

PrintersHPQuinze anos atrás, abrir a tampa e limpar o interior das impressoras – desentupir orifícios de impressão a jato de tinta, limpar engrenagens e rotores, aspirar o pó e sujeira – era um procedimento padrão para aqueles que desejavam que suas impressoras durassem mais e imprimissem sem manchas ou sujeiras. Infelizmente, apesar de parecerem mais limpas, as partes mais sensíveis já haviam sido danificadas.

Por outro lado, a maioria das impressoras de hoje tem a tampa aparafusado, não é nem possível abrir a impressora e bisbilhotar por dentro. Impressoras apenas fazem seu trabalho, sem qualquer necessidade de limpeza ou reparos. Não há necessidade de trocar peças, somente papel e tinta. E quando a impressora finalmente se desgasta, a compra de uma nova por um preço acessível, de alta qualidade é de longe a resposta mais rentável.

Mesmo assim, ainda existem alguns passos a serem seguidos para aumentar ainda mais a vida útil de sua impressora.

1. Evite cartucho/toner remanufaturado: Este é, de longe, o passo mais importante que você pode dar para aumentar a vida útil de sua impressora. Algumas empresas tentam reduzir custos de impressão através da compra de tinta ou toner “recondicionado” por um terceiro. Pode parecer mais em conta na frente, mas muitas vezes, o uso de tinta ou toner remanufaturado significa sacrificar a qualidade de impressão e até mesmo causar algum estrago a impressora. Além de ter custos, muitas vezes desconsiderados, na forma de chamados de suporte, reimpressão de páginas com baixa qualidade, e materiais desperdiçados.

Toners remanufaturados são mais suscetíveis a prejudicar sua impressora. Em um estudo, cerca de 1 em cada 10 clientes de impressoras HP LaserJet utilizam toner remanufaturado e acabaram com impressoras danificadas – e 26% tiveram downtime da impressora como resultado de problemas nos cartuchos.

O ponto é: para aumentar a vida útil da impressora – e ter sempre impressões em alta qualidade – use apenas cartuchos e toners originais. Se você quiser economizar dinheiro na impressão, imprima nos dois lados da folha, use uma opção de menor qualidade (por exemplo “rascunho”), mude as configurações para impressão de uso diário, e encolha os documentos para ocuparem menos páginas. Se você quiser economizar dinheiro em tinta ou toner, compre cartuchos de maior capacidade, eles tem uma taxa de custo/benefício bem maior.

2. Desligue a impressora antes de desconectar: Você pode não ter percebido, mas picos e cortes de energia não são saudáveis para qualquer equipamento eletrônico – e a regra é a mesma para sua impressora. Para diminuir o risco, tente não se esquecer de desligar a impressora antes de desconectá-la e se a impressora estiver conectada a uma régua de energia também, desligue-a primeiro, depois a régua.

3. Use papel de qualidade: Existem bons papéis – de boa qualidade, multi-uso, reciclados, existem até papéis de uso exclusivo para determinadas demandas. E existem papéis ruins, que deixam um excesso de sujeira na impressora, são mais propensos a atolarem e e resultam em trabalhos de impressão de baixa qualidade. Papéis de boa qualidade requerem um investimento adicional baixo, e vale muito a pena se você procura estender a vida de sua impressora e ter impressões em ótima qualidade.

Independente de quão bem você cuide de sua impressora, eventualmente você precisará troca-la. Para tal a HP, que é o maior vendedor de impressoras no mundo, com mais de 40% de market share de impressoras segundo o IDC e o Gartner, tem um vasto portfólio de produtos que podem atender a sua demanda.

Fonte: HP Technology at Work

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *