Por que escolher Blade para virtualização?

Tempo de leitura: 5 minutos

Grandes corporações e empresas de médio porte estão cada vez mais optando por servidores Blade como a plataforma de escolha para a nova geração de aplicações virtualizadas. Os servidores Blade podem gerar eficiências de custo significativas em relação a servidores de rack, ocupam um espaço menor, consomem menos energia e fornecem grandes vantagens em termos de gerenciamento, escalabilidade e flexibilidade.

O crescimento em implantações das lâminas coincide com a expansão da virtualização. As vendas de servidores blade alcançaram um novo recorde em percentual de vendas de servidores em 2012, segundo a IDC, que observou que a adoção da lâmina vai continuar a crescer para apoiar ambientes virtualizados. A grande questão para a maioria dos líderes de TI não é mais se vai adotar ou não a virtualização, mas sim, como.

Então, por que você deve considerar as lâminas para a virtualização? Aqui estão as principais razões.

  • Menor TCO(Total cost of ownership – Custo total de propriedade)

Para a maioria das cargas de trabalho e ambientes de aplicação, as lâminas custam menos do que as soluções de rack comparáveis. A poupança vêm de uma variedade de fatores: menos infra-estrutura de rede e cabeamento; gestão e provisionamento simplificado; menor consumo de energia, além de liberar espaços valiosos em seus centros de dados, entre outros. O IDC estudou sete grandes e médias empresas e descobriram que eles foram capazes de reduzir o seu custo anual de TI em 58% com a migração para uma plataforma blade. Em três anos, as empresas geraram um retorno sobre o investimento (ROI) de 316%, e pago de volta o investimento total da implementação em pouco mais de sete meses.

  • Confiança em aumentar a densidade de VMs

Até o final de 2013, 60% das organizações terão menos de três quartos de sua produção em servidores virtualizados, portanto, para a maioria das empresas, ainda existem muitas aplicações e cargas de trabalho que poderiam se beneficiar de virtualização. Uma solução usando servidores HP ProLiant Gen8 BladeSystem resulta em 40% menos consumo de energia, 37% menos consumo de espaço, e 45% a menos tempo de instalação de configuração do que com o tradicional servidores rack.  Além de aumentar capacidade, com confiança, o número de máquinas virtuais por servidor. O sistema monitoriza constantemente mais de 1.600 parâmetros para que você possa manter seus aplicativos de forma proativa, mantendo o domínio de falhas administrável.

  • Virtualize aplicações mais complexas

Muitas organizações têm sido hesitantes em mudar as suas aplicações de missão crítica para ambientes virtualizados por medo de problemas de desempenho. Mas o sucesso da virtualização tem evitado muitos desses medos. Os servidores blade fazem essa possibilidade ainda mais realista. A modularidade das lâminas permite que cada servidor blade e chassis possam ser configurados com diferentes requisitos de processador, memória e opções de rede para atender as demandas de ambientes virtualizados. Por exemplo, algumas cargas de trabalho exigem uma rede de baixa latência, enquanto outras podem precisar de armazenamento de baixo custo que pode ser alcançado só com discos de conexão direta.

  • Consolide seu banco de dados

A proliferação do banco de dados tornou-se um problema para muitas organizações e é um obstáculo para a agilidade dos negócios. A HP criou uma solução que traz vantagens na relação custo-benefício, economia de tempo na implantação e gestão, bem como a capacidade de mover os recursos para atender às necessidades de negócios. HP projetou uma arquitetura projetada para banco de dados do Oracle que são baseadas em milhares de horas de testes e nas melhores práticas para a Oracle.

  • Simplifique o gerenciamento

Os servidores blade são mais simples para instalar, manter e gerenciar do que servidores de rack tradicionais. Segundo um estudo da IDC, ao adotar as lâminas, as organizações cortaram despesas operacionais em 64%, liberando a equipe de TI para trabalhar em iniciativas estratégicas. Os servidores Blades possuem gestão comum de todos os componentes dentro do recinto, o que torna mais simples para provisionar novos servidores, adicionar automação ao seu centro de dados, manter os servidores em funcionamento, e compartilhar recursos em um ambiente virtualizado.

  • Prepare-se para Cloud

Virtualização é a base para iniciativas baseadas na nuvem, permitindo a partilha de recursos e a otimização de investimentos em tecnologia. Com soluções como o HP CloudSystem Matrix, as organizações podem tirar proveito da arquitetura HP BladeSystem para construir um portal self-service para um rápido auto-provisionamento com gerenciamento de ciclo de vida para otimizar infra-estrutura, gerenciar pools de recursos e ajudar a garantir uptime.

  • Melhore a agilidade dos negócios

Agilidade nos negócios está no topo da lista de objetivos para a maioria dos departamentos de TI. Em ambientes virtualizados, lâminas fornecem uma amplos benefícios para aumentar a agilidade: Reduz a sobrecarga de gerenciamento; A infra-estrutura convergente integra os recursos de TI e acelera o desempenho de toda a infra-estrutura; Tudo isso liberando recursos de TI e melhoram a agilidade dos processos.

Uma das considerações importantes na implantação das lâminas para virtualização é que todas as iniciativas importantes que estão dirigindo a TI – a nuvem, big data, mobilidade, mídias sociais, BYOD e outros – todos estão movendo-se em ritmo acelerado e ganhando espaço. Este não é o momento de estar sentado em uma tecnologia mais velha ou de baixo desempenho. Este é o momento de investir  e buscar soluções que entregam as questões mais desafiadoras de hoje e as que estão por vir.

E sua empresa, já esta planejando adotar a virtualização?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *